ouvidoria@iguaba.rj.gov.br

Whatsapp (22) 99282-5930

Centro de Referência do Idoso mantém atividades online

Quem não tem acesso à internet recebe atendimento diferenciado

Para garantir que os idosos cadastrados mantenham o isolamento social de forma saudável, o Centro de Referência do Idoso (CRI) de Iguaba Grande está oferecendo atividades online durante o período da pandemia. Elas estão sendo realizadas através de aplicativos e chamadas de vídeo (Zoom e Whatsapp). Dos 250 inscritos no CRI, cerca de 150 estão bem atuantes no mundo virtual. Para os demais que não possuem acesso à internet, as atividades são diferenciadas. 

No início, segundo a coordenadora do CRI, Elisabete da Conceição Alves, houve dificuldade tanto para professores quanto para os alunos. “Para os idosos foi com relação ao acesso às redes sociais visto que por vezes não possuem um aparelho condizente para baixar um aplicativo, e outras vezes pela falta de instrução de alguns. Já para os professores o obstáculo foi quanto ao fato do idoso não saber manusear o aparelho eletrônico”, explicou.

Ao todo, o Centro oferece cinco atividades, entre elas artesanato, dança sênior, coral, roda de conversa e alongamento, que acontecem de dois a três dias na semana. A roda de conversa acontece às segundas e terças-feiras, das 10h às 11h. Para o artesanato, o alongamento e a dança, o instrutor grava as aulas e o horário fica a critério de cada idoso. O coral é feito por chamadas de vídeo e os horários para a colocação das vozes (sopranos, tenores, baixos, etc.) são determinados pelo instrutor. A atividade mais procurada é o alongamento, com cerca de 50 idosos participantes.

Elisabete lembra que todas as atividades contribuem para manter os idosos em movimento psíquico e motor, além de estabelecer uma interação com os grupos que eles fazem parte. Contribuem, ainda, para manter o vínculo com a equipe do CRI. “Os idosos que participam do Centro são idosos ainda muito ativos e todos eles fazem suas tarefas domésticas como cortar grama, fazer comida e alguns reparos (arrumar o jardim e pintar). Mesmo assim é importante que eles tenham atividades recreativas, também”, explicou a coordenadora, lembrando que apesar de desejar aumentar o número de vagas, o CRI não está recebendo novos participantes porque o cadastro precisa ser feito presencialmente por conta da análise dos técnicos (psicólogo e assistente social).

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on email
Email

Inscreva-se e receba conteúdos via E-mail

© 2019 Assessoria de Comunicação - ASCOM. Todos os direitos reservados.

Skip to content