Ligue para a Prefeitura (22) 2624-3275
ouvidoria@iguaba.rj.gov.br
Ligue para a Prefeitura (22) 2624-3275
ouvidoria@iguaba.rj.gov.br

LIVE no Facebook nesta sexta: Conhecendo a Epilepsia

Médicos especialistas estarão promovendo um debate sobre as causas e tratamentos em pacientes com este diagnóstico

Na América Latina estima-se que 8 milhões de pessoas sofrem com o distúrbio neurológico crônico mais comum, a Epilepsia, porém cerca de 3 milhões são brasileiros. A Prefeitura de Iguaba Grande, amanhã (5), às 19h, vai promover uma live com três doutores especialistas no assunto em comemoração ao mês de conscientização da Epilepsia, ‘Purple Day’, comemorado dia 28 de março.

O neurologista Matheus Medeiros, integrante da equipe de profissionais do Centro de Reabilitação física e psicológica – CER Flore’ser, que vai mediar o debate, é membro titular da Academia Brasileira de Neurologia, da Sociedade Brasileira de Neurofisiologia Clínica e membro da Liga Brasileira de Epilepsia.

Na LIVE, a médica neurologista Dra. Fabiani Lourenço (SP), membro titular da Academia Brasileira de Neurologia, também vai discursar especificamente sobre a ‘Epilepsia Cannabidiol’ e a neuropediatra, Dra. Camila Battirola (MT), membro efetivo da Sociedade de Neurologia Infantil, abordará sobre a ‘Epilepsia no autismo’.

Secretário de Saúde e coordenadora do Flore’ser falam da importância da LIVE

Segundo o secretário municipal de Saúde, Valdeci Júnior, o assunto visa quebrar preconceito e trazer integração das minorias. “Estamos, de maneira muito séria, tratando diversos temas, principalmente no que se refere a integração das minorias. Queremos abordar o assunto epilepsia visando quebrar o preconceito, discutindo o tema, e passando as informações de maneira correta”, afirma.

A coordenadora do Flore’ser, Tecla Nunes, enaltece o trabalho do neurologista que há quase quatro anos cuida de pacientes na unidade. “Doutor Matheus Medeiros se destaca pelo empenho e compromisso com as famílias. Esta Live foi idealizada por ele para difundir mais informação que é uma importante ferramenta de prevenção e redução de agravos”, ressalta.

Principais causas da epilepsia, segundo o Dr. Matheus Medeiros

Doutor Matheus Medeiros afirma que as principais causas são divididas em etiologias estruturais (tumores, avcs, malformações cerebrais, etc), como: etiologia genética, infecciosa, metabólica, imune e etiologia desconhecida. O tratamento deve ser direcionado preferencialmente por um médico especialista e deve ser individualizado.

“Atendo desde crianças recém nascidas até idosos. Sabemos que a incidência é diferente entre as faixas etárias, porém é mais elevada no público infantil e em cidadãos da terceira idade. A grande maioria das epilepsias são tratáveis e devemos, como profissionais de saúde especialistas, orientar nossos pacientes a manter o uso regular dos medicamentos e métodos de manutenção de uma vida saudável”, comenta Dr. Matheus Medeiros.