ouvidoria@iguaba.rj.gov.br

(22)2634-5877

Iguaba reduz casos de doenças transmitidas pelo aedes

Município intensifica ações de combate ao mosquito

Com a chegada das chuvas de verão, o Ministério de Saúde emitiu um alerta sobre um possível novo surto de dengue no país. De acordo com o órgão federal, os nove estados do Nordeste, o Espírito Santo e o Rio de Janeiro estão sendo monitorados. Se antecipando ao problema, a Prefeitura de Iguaba Grande já vem intensificando as ações de combate ao Aedes aegypti. Com isso, o município conseguiu reduzir em 50% o número de casos confirmados de doenças transmitidas pelo mosquito: em janeiro de 2019 foram dois casos de chicungunya, contra zero de dengue e zika. Já em janeiro deste ano apenas um caso de chicungunya deu positivo, enquanto dengue e zika continuam zerados.

 Além do aumento no número de agentes comunitários que atuam em toda a cidade, o coordenador de Vigilância Ambiental em Saúde de Iguaba Grande, Wando Tomaz de Sousa, informou que a Secretaria Municipal de Saúde também reforçou as visitas domiciliares e palestras de conscientização, realizadas com auxílio de tendas montadas em diversos bairros.

 “E durante o carnaval esse trabalho ganhará ainda mais ênfase: faremos campanha neste período para aproveitar o grande número de visitantes que o município recebe. A ideia é também orientá-los a manter seus domicílios bem cuidados, com quintal sempre limpo e piscinas cobertas, evitando assim, criadouros que possam servir de proliferação para o Aedes aegypti”, explicou.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on email
Email

Inscreva-se e receba conteúdos via E-mail

© 2019 Secretaria Municipal de Controle Geral. Todos os direitos reservados.

Skip to content