ouvidoria@iguaba.rj.gov.br

Whatsapp (22) 99282-5930

“Nois Pira Mas Não Para!” abre a programação de blocos carnavalescos de Iguaba Grande

O bloco composto por funcionários e usuários do CAPS animou ruas da cidade até a Praça Edyla Pinheiro

 

A manhã desta sexta-feira (01) foi agitada para os usuários e funcionários do CAPS- Centro de Atenção Psicossocial, e para todos os que assistiram a caminhada do Bloco “Nois pira, mas não para!” até a Praça Edyla Pinheiro, no Centro. Integrantes do CAPS de Araruama, também, participaram do evento, que buscou integrar e socializar os assistidos em uma das festas mais populares do país, o Carnaval. A Guarda Civil auxiliou na segurança e no fechamento de algumas ruas.

De acordo com Selma Bragança, Coordenadora do Programa de Saúde Mental do Município, a intenção do bloco é tornar os usuários do Centro visíveis socialmente. “Sabemos o quanto o usuário com transtorno mental foi excluído ao longo da história da saúde no Brasil. E trazer eles para uma festa que é mega popular, como pessoas possíveis de estar na vida, curtindo e tendo as mesmas oportunidades de pessoas ditas “normais” é muito importante”, conta Selma.

Usuário do CAPS há mais de um ano, Mauro Satilo, conta que adorou a participação e o engajamento de todos para realizar o evento. “O que eu mais gosto, aqui, são as oficinas. Nós ajudamos a fazer todos os cartazes e adereços e isso é muito participativo”, explica Mauro que tem 59 anos.

Para a assistida Valdinete Souza, de 58 anos, o Centro de Atenção Psicossocial é sua segunda casa. “Depois do falecimento do meu neto, quando adoeci, foi aqui que encontrei aconchego. E o bloco serve para despertar as pessoas de que somos normais, que devemos dar respeito e sermos respeitados”, conta Valdinete.

 

 

Texto: Alice Sousa

Foto: Marco Vianna

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on email
Email

Inscreva-se e receba conteúdos via E-mail

© 2019 Assessoria de Comunicação - ASCOM. Todos os direitos reservados.

Skip to content